destaque_estetica_fiocontornoTratamentos para a Face

As rugas faciais aparecem quando o colágeno e as fibras de elastina começam a deteriorar-se. Ainda que este seja um processo natural, é também resultado da exposição ao sol sem a devida proteção, do hábito de fumar, da má alimentação, entre outros fatores.

Veja o que podemos fazer para rejuvenescer sua pele e refrescar sua imagem. Nosso objetivo é sempre evitar resultados exagerados ou antinaturais, buscando atenuar os efeitos da passagem do tempo, melhorando aspecto e a harmonia facial, sem alterar a expressão do seu rosto.

Fios de sustentação de PDO (polidioxanona)

Um dos pontos fortes dos fios de sustentação de PDO (polidioxanona) é o estímulo de colágeno com tração local da pele.

Feitos com material absorvível pelo organismo, eles se dividem em diferentes tipos, com diferentes finalidades: há os lisos, os espiculados (com “garras”), os parafuso e assim por diante. Entre as indicações, eles oferecem excelentes resultados no tratamento de rugas – finas ou profundas – e, por sua vez, os mais adequados são escolhidos conforme a área, tipo de pele e intensidade da flacidez; e os que ainda promovem uma tração na pele, melhorando o contorno da mandíbula e do pescoço, reposicionando a face e combatendo a flacidez.Para citar apenas alguns exemplos!

Ebook-home-care

E tudo de forma muito natural! Com efeito lifting não cirúrgico imediato.E o mais sensacional é que os fios de PDO podem ser usados em qualquer área do corpo!

Assim como ocorre com outras técnicas, os resultados são potencializados ao combinarmos esse procedimento com outros tratamentos. Entre as associações possíveis – são as avaliações individualizadas que irão nos apontar o melhor tratamento –, duas delas já apresentam resultados comprovados:

Fios de sustentação de PDO + ácido polilático: Para flacidez, estímulo de colágeno e efeito lifting instantâneo, os fios promovem uma tração da pele –contribuindo de forma imediata para o reposicionamento do rosto e pescoço,suavizando os efeitos da flacidez facial (o que popularmente chamamos de“rosto caído”) e as rugas estáticas (aquelas que, mesmo com o rosto parado, já marcam a pele). O ácido polilático, por ser um bio estimulador de colágeno,entra para reforçar essa ação firmadora, podendo ser injetado “mais globalmente” no rosto. Podem ser realizados os dois procedimentos na mesma sessão, desde que em regiões diferentes. Ambos compõem um tratamento:primeiro, o ácido polilático estimula o colágeno mais globalmente na face,dando mais firmeza na pele. Passado um período de, no mínimo, um mês,chega a vez dos fios de sustentação e tração, que reforçam as áreas mais necessitadas de colágeno e tensão cutânea.

Bio estimuladores de colágeno (hidroxiapatita de cálcio ou ácidopolilático) ou toxina botulínica + fios de sustentação + peeling: Indicados para flacidez e rugas, os fios de sustentação vieram como um reforço nos tratamentos combinados, combatendo aquela leve flacidez que insistiu em ficar. Por promover uma tração local (e bastante natural), a técnica dispensa a necessidade de preencher ou volumizar a região tratada. Tanto os bio estimuladores de colágeno quanto os fios de sustentação podem ser associados ao peeling (cada procedimento atua em um plano diferente) ou à toxina botulínica – desde que essa última não seja aplicada na mesma região ena mesma sessão. Os resultados são excelentes!

Toxina Botulínica

Depois de uma análise adequada da anatomia facial, aplica-se a injeção de toxina botulínica estrategicamente no músculo responsável pela linha ou ruga de expressão. O efeito é relaxante e dá ao rosto uma aparência mais descansada, rejuvenescida e agradável. O resultado será apreciado a partir de 48 a 72 horas e dura em média 5 meses.

Preenchedores injetáveis:

. Ácido Hialurônico

Há mais de 30 anos os preenchedores injetáveis são usados para repor o colágeno perdido e melhorar a aparência da face. Existem diversos produtos no mercado que servem para este procedimento e o mais usado é o Ácido Hilaruônico, que é introduzido na derme para corrigir linhas de expressão, rugas e sulcos. Pode ser usado com excelente resultado para dar volume aos lábios e bochechas, promover um efeito lifting o rosto, assim como rejuvenescer as mãos e melhorar as cicatrizes de acne.

A técnica de aplicação deve ser criteriosa e individualizada, respeitando as características anatômicas da face e buscando resultados naturais.

. Ácido Poli-Lático

Considerado um dos melhores estimuladores de colágeno sem causar grandes volumes à face, o ácido poli-lático (Sculptra®) promove resultados excelentes quando bem indicado e aplicado com técnica adequada. Também pode ser aplicado em outras áreas do corpo.

. Hidroxiapatita de cálcio

Produto composto por ácido hialurônico e partículas de cálcio. Os resultados são excelentes, especialmente no rejuvenescimento das mãos e perdas visíveis de volume facial. Mais uma vez, é preciso que o preenchimento seja feito com técnica apurada e indicação precisa.

Fotorrejuvenescimento

Ao longo do tempo, os efeitos do sol, da poluição e do stress são refletidos na pele. Os recursos de fotorrejuvenescimento foram criados para combater esses danos e harmonizar o tônus da pele. O procedimento é realizado com equipamentos de luz pulsada intensa, que emitem feixes de luz cuja energia remove as manchas, diminui os vasos indesejados na pele e estimula a produção de colágeno superficial, além de suavizar as rugas e aumentar o tônus cutâneo.

Outra alternativa são os equipamentos de laser fracionados ablativos e não ablativos, que priorizam o estímulo do colágeno numa profundidade maior, e também melhoram as manchas e diminuem os vasos. Uma avaliação completa e global é muito importante para a indicação correta do aparelho.

Luz de LED

A luz de LED é usada para qualquer pós-procedimento. A técnica acalma a pele, provocando a chamada analgesia, retirando a dor ou incômodo com maior rapidez; além de melhorar a cicatrização.

Depilação a Laser

A cada sessão de laserterapia, ocorre a destruição de um percentual de pelos na região da aplicação: a luz emitida é absorvida pela melanina do pelo, que se queima com o calor produzido até a raiz. O número de aplicações necessárias para alcançar os resultados desejados varia de acordo com a etnia, área a ser tratada, densidade de pelos e outros fatores, como idade e metabolismo.

A avaliação feita pelo médico dermatologista é essencial e a escolha e aplicação do laser obedece a diversos critérios técnicos para definir a quantidade de luz que será emitida. O laser adequado, os parâmetros e, principalmente, a técnica de aplicação dependem do tipo de pele, da cor e da área a ser tratada, de forma que o sucesso pode ser obtido em peles de quaisquer etnias. Leia mais sobre tratamento a laser em peles negras aqui.

Laser Fracionado Ablativo (Laser de CO2)

As indicações são várias – flacidez, rugas, olheiras, estrias, manchas e cicatrizes de acne, rejuvenescimento facial e corporal (colo, pescoço, mãos) e cicatrizes hipertróficas. Os raios laser (CO2 ou Erbium) aquecem todas as camadas da pele, provocando a retirada (ablação) da epiderme em micro pontos, tendo a água como alvo. Assim, a pele se contrai e temos o estímulo do colágeno, o que diminui a flacidez e melhora sensivelmente a qualidade e o aspecto da pele.

Esta técnica, que exige profundo conhecimento e prática, pode ser aplicada em qualquer parte do corpo.

Laser Fracionado Não Ablativo

Uma grande alternativa, com a mesma eficácia em mais sessões. As indicações de uso destes lasers são praticamente as mesmas do Laser Fracionado Ablativo, mas neste caso a epiderme (pele mais superficial) não é removida – portanto, o tempo de recuperação após o tratamento é menor. Pode haver algum edema (inchaço) leve ao redor dos olhos, o que se resolve geralmente em poucos dias, assim como o eritema (vermelhidão) no pós procedimento. O uso de protetores com tonalizantes ou base de maquiagem minimiza esses efeitos e os pacientes podem voltar rapidamente à rotina diária.

Microagulhamento / IPCA®

Este é também um procedimento ablativo, porém mecânico, na pele (não remove a epiderme, mas a perfura), que utiliza micro agulhas com o objetivo de estimular e remodelar o colágeno. Ele pode ser leve, moderado ou profundo, portanto, quando bem avaliado e indicado, pode-se dosar o microagulhamento para as diversas finalidades – desde a melhora do brilho da pele até a suavização de rugas profundas e cicatrizes. Quando recuperada, a pele está visivelmente com mais brilho, mais viçosa e jovem.

O procedimento de ablação mecânica pode ter um tempo de recuperação da pele mais curto, dependendo da indicação e finalidade do tratamento. Os resultados são excelentes!

Peelings

Peelings químicos atuam de várias formas e podem ser classificados em superficiais, médios e profundos. Podem ser feitos com diferentes recursos: ácido retinóico, ácido salicílico, Jessner, ácido tricloracético, ácido kójico, ácido mandélico, entre outros.

Os peelings mais superficiais fazem a descamação e retiram a camada morta de pele superior. Além de melhorar os poros e o brilho da pele, promovem melhor penetrabilidade dos cremes e produtos.

Os peelings médios são alternativas excelentes para o estímulo e a produção de colágeno, atenuando rugas, melhorando a textura, o brilho e a coloração global da pele. Também atenuam manchas e corrigem cicatrizes de acne.

Vale ressaltar que os tratamentos combinados e individualizados oferecem os melhores resultados num espaço mais curto de tempo.

Ultrassom Microfocado

O procedimento faz colunas de coagulação que vão da pele ao músculo, o que permite a entrega de um tightening profundo. Com isso, ele surge como resposta para diferentes quadros envolvendo a flacidez: seja aquela que resulta da perda intensa de peso seja uma falta de firmeza mais superficial ou ainda aquela que compromete os contornos do rosto ou de outras áreas do corpo.

Essa versatilidade torna o tratamento indicado para pessoas de qualquer idade e diferentes tipos e tons de pele – ou seja, todas as peles étnicas podem se beneficiar! A forma como será ministrado vai depender de cada caso, cada objetivo.

Para potencializar os resultados, é possível associar o ultrassom microfocado aos bioestimuladores de colágeno (como o ácido polilático), que ajudam a firmar a pele e são indicados para quem deseja eliminar áreas flácidas sem o aumento de volume que pode acompanhar a ação dos preenchedores. Com o ultrassom microfocado realizado primeiro, o complemento pode ser feito na mesma consulta ou alguns dias depois – tudo vai depender da reação do paciente ao primeiro procedimento.

Relacionados